* Os resultados podem variar de pessoa para pessoa.

  • Seu pedido discreto

    Cuidado e discrição no seu pedido e fatura

  • Frete grátis para todo Brasil

    Nas compras acima de R$250

  • Proteção de Dados de Cientes

    Os seus dados estão seguros conosco

 Digestão

Digestão

Filtros

Digestão

Mulher segurando intestino desenhado em um papel
O sistema digestivo é composto por vários órgãos responsáveis pelo processo de digestão, ou seja, a transformação dos alimentos para que sejam absorvidos e utilizados por todas as células do nosso corpo. Através do sistema digestivo que o homem consegue digerir os alimentos para fornecer ao seu organismo todos os nutrientes necessários para seu bom funcionamento. Só que, às vezes, não conseguimos suprir nosso corpo com os nutrientes necessários.

Como funciona a digestão

A digestão começa pela boca, através da mastigação dos alimentos. As glândulas salivares secretam a saliva que dissolve os nutrientes, ajudando na transformação dos alimentos. Através da deglutição, o bolo alimentar é lançado no esôfago. Do esôfago, os alimentos são lançados no estômago, que possui duas funções: a retenção do bolo alimentar e a degradação química dos alimentos. Ele faz a digestão das proteínas e a absorção de várias vitaminas, por exemplo, a vitamina B12. Para tornar o processo de degradação do bolo alimentar possível, algumas glândulas do estômago secretam o ácido clorídrico. Depois, há a passagem para o intestino delgado, onde há a absorção dos nutrientes sob forma de açúcares, proteínas, gorduras, vitaminas, oligoelementos. E para que essa absorção aconteça, as moléculas são misturadas a grandes quantidades de água. Em seguida, os alimentos passam para o intestino grosso, o qual absorve a água do bolo alimentar. Depois, os excrementos são armazenados no reto antes de serem eliminados, sob a forma de fezes. O processo de digestão é bem longo, onde todas as etapas são muito importantes.

Má Digestão

A má digestão, também chamada de dispepsia, pode ser causada por uma série de fatores:
  • Comer muito rápido, sem fazer a mastigação correta
  • Beber líquidos durante as refeições
  • Comer muitos alimentos gordurosos e frituras
Quais são os principais sintomas da má digestão:
  • Enjoos
  • Sensação de estômago cheio
  • Vômitos
  • Gases
  • Azia
  • Dores abdominais
  • Arrotos
  • Sonolência após as refeições
Na maior parte dos casos, a simples mudança de hábitos alimentares pode aliviar todos esses sintomas, por exemplo, incluir na sua dieta determinados alimentos para melhorar a saúde do sistema digestivo.

Como os probióticos ajudam na digestão

Alguns alimentos ajudam bastante na digestão:

Probióticos

Vários vegetais em um intestino desenhado
São essenciais para promover o equilíbrio entre as bactérias boas e más, que estão presentes no seu intestino, melhorando sua flora intestinal. A principal função dos probióticos é combater as bactérias más que dificultam o processo de digestão, além de fortalecer seu sistema imunológico. Dessa forma, os probióticos previnem uma série de doenças intestinais, combatem a constipação e diarreia, aumentam a absorção de nutrientes, combatem a azia, ou seja, fazem muito bem para o sistema digestivo.

Maçã

A maçã ajuda a melhorar a digestão, contribuindo muito para uma melhor absorção dos nutrientes. Além disso, como é rica em fibras, antioxidantes e vitaminas, melhora a constipação, promovendo a desintoxicação do aparelho digestivo. Vale lembrar que a maça alivia as dores da gastrite, pois suas fibras protegem as mucosas do estômago.

Frutas e Vegetais

As frutas e vegetais são importantíssimas para manter uma boa digestão. O problema é que, muitas vezes, seu consumo diário é insuficiente, não fornecendo todos os nutrientes importantes para o funcionamento do nosso corpo. Facilitam a digestão pela presença de fibras, minerais, vitaminas e antioxidantes, melhorando muito sua flora intestinal e a regulação do seu intestino.

Carvão Vegetal

O carvão vegetal é um poderoso desintoxicante, auxiliando na eliminação dos gases, inchaço, como também no controle de peso. Dessa forma, ajudam muito no processo de digestão. Hoje em dia, você pode obter o carvão vegetal sob forma de cápsulas, que você pode ingerir antes ou depois das refeições. Sementes de Chia: As sementes de Chia são ricas em fibras, proteínas, vitaminas, minerais e antioxidantes, essenciais para a manutenção da sua saúde digestiva. Além disso, por suas propriedades antioxidantes, combatem os radicais livres, trazendo muitos benefícios para sua saúde geral.

Curcumina

A cúrcuma, também chamada de açafrão-da-terra é outro alimento muito importante para a saúde digestiva, reduzindo os gases, o inchaço e a constipação. Além disso, melhora a capacidade do corpo para digerir as gorduras. Vale lembrar que também possui propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes e é rica em vitamina D, fundamental para a manutenção dos níveis de cálcio e fósforo. O grande problema é que com a correria do dia a dia, não conseguimos consumir as doses suficientes para o bom funcionamento do nosso sistema digestivo. Nesses casos, o ideal é fazer sua suplementação. E, em pouco tempo, os resultados começam a ser observados, principalmente os sintomas relacionados à má digestão.

Digestão

Mulher segurando intestino desenhado em um papel
O sistema digestivo é composto por vários órgãos responsáveis pelo processo de digestão, ou seja, a transformação dos alimentos para que sejam absorvidos e utilizados por todas as células do nosso corpo. Através do sistema digestivo que o homem consegue digerir os alimentos para fornecer ao seu organismo todos os nutrientes necessários para seu bom funcionamento. Só que, às vezes, não conseguimos suprir nosso corpo com os nutrientes necessários.

Como funciona a digestão

A digestão começa pela boca, através da mastigação dos alimentos. As glândulas salivares secretam a saliva que dissolve os nutrientes, ajudando na transformação dos alimentos. Através da deglutição, o bolo alimentar é lançado no esôfago. Do esôfago, os alimentos são lançados no estômago, que possui duas funções: a retenção do bolo alimentar e a degradação química dos alimentos. Ele faz a digestão das proteínas e a absorção de várias vitaminas, por exemplo, a vitamina B12. Para tornar o processo de degradação do bolo alimentar possível, algumas glândulas do estômago secretam o ácido clorídrico. Depois, há a passagem para o intestino delgado, onde há a absorção dos nutrientes sob forma de açúcares, proteínas, gorduras, vitaminas, oligoelementos. E para que essa absorção aconteça, as moléculas são misturadas a grandes quantidades de água. Em seguida, os alimentos passam para o intestino grosso, o qual absorve a água do bolo alimentar. Depois, os excrementos são armazenados no reto antes de serem eliminados, sob a forma de fezes. O processo de digestão é bem longo, onde todas as etapas são muito importantes.

Má Digestão

A má digestão, também chamada de dispepsia, pode ser causada por uma série de fatores:
  • Comer muito rápido, sem fazer a mastigação correta
  • Beber líquidos durante as refeições
  • Comer muitos alimentos gordurosos e frituras
Quais são os principais sintomas da má digestão:
  • Enjoos
  • Sensação de estômago cheio
  • Vômitos
  • Gases
  • Azia
  • Dores abdominais
  • Arrotos
  • Sonolência após as refeições
Na maior parte dos casos, a simples mudança de hábitos alimentares pode aliviar todos esses sintomas, por exemplo, incluir na sua dieta determinados alimentos para melhorar a saúde do sistema digestivo.

Como os probióticos ajudam na digestão

Alguns alimentos ajudam bastante na digestão:

Probióticos

Vários vegetais em um intestino desenhado
São essenciais para promover o equilíbrio entre as bactérias boas e más, que estão presentes no seu intestino, melhorando sua flora intestinal. A principal função dos probióticos é combater as bactérias más que dificultam o processo de digestão, além de fortalecer seu sistema imunológico. Dessa forma, os probióticos previnem uma série de doenças intestinais, combatem a constipação e diarreia, aumentam a absorção de nutrientes, combatem a azia, ou seja, fazem muito bem para o sistema digestivo.

Maçã

A maçã ajuda a melhorar a digestão, contribuindo muito para uma melhor absorção dos nutrientes. Além disso, como é rica em fibras, antioxidantes e vitaminas, melhora a constipação, promovendo a desintoxicação do aparelho digestivo. Vale lembrar que a maça alivia as dores da gastrite, pois suas fibras protegem as mucosas do estômago.

Frutas e Vegetais

As frutas e vegetais são importantíssimas para manter uma boa digestão. O problema é que, muitas vezes, seu consumo diário é insuficiente, não fornecendo todos os nutrientes importantes para o funcionamento do nosso corpo. Facilitam a digestão pela presença de fibras, minerais, vitaminas e antioxidantes, melhorando muito sua flora intestinal e a regulação do seu intestino.

Carvão Vegetal

O carvão vegetal é um poderoso desintoxicante, auxiliando na eliminação dos gases, inchaço, como também no controle de peso. Dessa forma, ajudam muito no processo de digestão. Hoje em dia, você pode obter o carvão vegetal sob forma de cápsulas, que você pode ingerir antes ou depois das refeições. Sementes de Chia: As sementes de Chia são ricas em fibras, proteínas, vitaminas, minerais e antioxidantes, essenciais para a manutenção da sua saúde digestiva. Além disso, por suas propriedades antioxidantes, combatem os radicais livres, trazendo muitos benefícios para sua saúde geral.

Curcumina

A cúrcuma, também chamada de açafrão-da-terra é outro alimento muito importante para a saúde digestiva, reduzindo os gases, o inchaço e a constipação. Além disso, melhora a capacidade do corpo para digerir as gorduras. Vale lembrar que também possui propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes e é rica em vitamina D, fundamental para a manutenção dos níveis de cálcio e fósforo. O grande problema é que com a correria do dia a dia, não conseguimos consumir as doses suficientes para o bom funcionamento do nosso sistema digestivo. Nesses casos, o ideal é fazer sua suplementação. E, em pouco tempo, os resultados começam a ser observados, principalmente os sintomas relacionados à má digestão.
*É importante notar que os resultados dos nossos produtos vão variar de indivíduo para indivíduo. Deve sempre usar ou tomar os nossos produtos em conjunto com uma dieta equilibrada e uma prática regular de exercício físico. Todos os comentários de clientes encontrados neste website, são verdadeiros.